A vida vai te mostrar, vai te guiar.

2011 está chegando ao final. Que ano corrido!

Geralmente, é tempo de colocarmos na balança as perdas e os ganhos ou pararmos alguns momentos pra pensarmos o que passamos, o que fizemos durante todo ano.

Qual o seu balanço pra 2011? Foi bom ou ruim? Você aprendeu a lição? Você entendeu os recados? Você foi mais você ou se valeu da opinião do alheio? Você conquistou novos amigos? Manteve os antigos? Desfez amizades? Progrediu em seu trabalho, na sua vida pessoal? Cuidou-se!?…

Quantas considerações, como nossa vida é complexa! E por isso mesmo, temos que tentar levá-la da maneira mais flexível possível. Com jogo de cintura, humor. Aceitar a vida de peito aberto e o que vier, agradecermos.

Algumas situações, podem nos frustrar, mas creio que nos frustramos porque esperamos demais. Se acordarmos todos os dias e vivermos, simplesmente vivermos, e fazermos nossa parte…naturalmente, as coisas, as conquistas, os presentes virão até nós! Tudo tem seu momento certo. Sempre escutava isso de minha mãe e ficava brava com isso. A mais pura verdade e a mais simples das lições.

Não quer dizer que tenhamos de ser passivos e aguardarmos as coisas acontecerem. Temos que querer, podemos ter sonhos e querer realizá-los. Mas, precisamos plantar boas sementes. Ás vezes queremos tanto uma coisa, ficamos tão vinculados a primeira idéia, que não conseguimos enxergar caso venha outro resultado, e acabamos acreditando que “as preces não foram ouvidas”!

Claro que não é tão simples, mas é uma boa tática. Acordar; pensar coisas boas; trabalhar; construir; colaborar com os outros; tratar as pessoas com gentileza e se não tiver nada de bom pra dizer, cale-se; se tiver de mau humor, é problema seu; ser um bom amigo; ser responsável; ser cuidadoso; acrescentar algo na vida de alguém etc.

O que você fez por dias melhores? Não podemos desejar dias melhores, se não fizermos nossa parte.

Para ser um “bom menino”, não é necessário ser perfeito. Ser bom ou ser mau…todos temos ambos, o bem e o mal, dentro de nós, depende do que você escolher! E, independentemente da escolha, assuma as consequências.

O importante é fazer um bom trabalho, e se não puder atrapalhar, já é grande coisa!

Desejo que todos encontrem as respostas para suas angústias, o remédio para suas dores, o conforto nos momentos de dúvida, a luz nos momentos de tristeza, a força e coragem dentro de si para seguir em frente e aceitar a vida com seus desafios e suas bençãos.

E pra embalar e melhor aproveitar estas idéias, compartilho esta música do Arlindo Cruz. Enjoy!

O Bem – Arlindo Cruz

O Bem, ilumina o sorriso
Também pode dar proteção
O Bem é o verdadeiro amigo
É quem  o abrigo
É quem estende a mão

No mundo de armadilhas e pecados
Armado, tão carente de amor
Às vezes é bem mais valorizado
Amado, endeusado e quem é traidor
E o Bem é pra acabar com o desamor

Se a luz do sol não para de brilhar
Se ainda existe noite e luar
O mal não pode superar
Quem tem  pra rezar diz amém
E ver que todo mundo é capaz
De ter um mundo  de amor e paz
Quando faz  o bem
Quando faz  o bem

O Bem, ilumina o sorriso
Também pode dar proteção
O Bem é o verdadeiro amigo
É quem  o abrigo
É quem estende a mão

No mundo de armadilhas e pecados
Armado, tão carente de amor
Às vezes é bem mais valorizado
Amado, endeusado e quem é traidor
E o Bem é pra acabar com o desamor

Se a luz do sol não para de brilhar
Se ainda existe noite e luar
O mal não pode superar
Quem tem  pra rezar diz amém
E ver que todo mundo é capaz
De ter um mundo  de amor e paz
Quando faz  o bem
Quando  faz o bem
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Nuvem de tags

%d blogueiros gostam disto: